Ornesse [Flaulest]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ornesse [Flaulest]

Mensagem por Fallen em Dom Mar 20 2016, 19:18

Ornesse


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]




Amplitude Geográfica: Com aproximadamente 4000km² a ilha de ornesse é uma grande planície coberta por uma vegetação diferente das demais ilhas. Em Ornesse os planaltos são cobertos por flores gigantes. Algumas delas possui quase o tamanho de arvores e suas copulas formam uma especie de copa e outras arbustos grandes cuja cópula é do tamanho da roda de uma carroça de boi. A noroeste da ilha pode se encontrar a baía de Trova e a Cidade, onde fica a Fortaleza de Ornesse e grande parte da população protegida por um grande muro. Fora de Ornesse podem se encontrar as casas de tintura beirando o Rio Locke nos campos de Tintura. Encontram-se diversas cabanas com alçapões de aço e salas inferiores com alguns mantimentos utilizadas como cobertura em situações de perigo durante a coleta, porém os campos mais próximos o de Tinturas e o de Sedas são habitados por insetos em geral pacíficos  e herbívoros que ignoram a presença humana. Já a oeste fica o campo do Mel, local habitado por abelhas e Vespas.É um local perigoso onde poucos tendem a se aventurar para buscar o precioso liquido que é valorizado no mercado. Ao sul pode se encontrar os arredores do lago de Ornin, local onde há maior diversidade de insetos e alguns aracnidios em que o perigo é bem grande. Ao Sudeste fica a Floresta das Flores, local onde as copulas agem como copas e onde alguns poucos se aventuram pela seiva de algumas das flores de lá, estas podem ser usadas como perfumes, alimento e até para manufaturar material de vestimenta. Ao Sudoeste fica o local mais perigoso da ilha, a montanha das aranhas. Chamado assim pela infestação de aranhas que existem em suas cavernas. O local porém a morada de varios tipos de aracnídeos como escorpiões, aranhas, carrapatos e haptapodas imensos. Raramente alguém se aventura pela montanha em busca da seda de altíssima qualidade e resistência da aranha ou pelas carapaças ou veneno dos seres que ali vivem. A maioria dos acontecimentos. Ninguém em sã consciência se aventura em Ornesse pela noite, pois é nela que a maioria dos insetos caçadores saem de suas tocas. Ornesse é cortada por três rios: Ilvis, Locke e Dreid. Ilvis é o mais importante que corta a cidade e Locke o segundo que é utilizado pelas casas de Tintura.


Clima:


-Clima Tropical Equatorial: Grande quantidade de chuvas e temperatura média superior a 18°c o ano todo.
-Clima Tropical de Altitude: Algumas ilhas possuem regiões montanhosas que contribuem para um clima mais frio que no resto dos arquipélagos. 
Características Populacionais: 

Em sua grande maioria humanos na área urbana. Já ao ar livre, Ornesse é dominada por insetos gigantes.

75% de Humanos
10% Elfos
5% Hibridos
5% Gnomos
5% Outras Raças

Características Socio-Economicas: Ornesse utiliza de trabalho contratado e tem uma vida confortável apesar da estranheza da ilha. Em sua maioria  os trabalhadores são coletores ,manufatureiros,  tecelões artistas e rangers. Todos eles trabalham na função de colher materiais, criar e desenvolver tecidos e estampas novas e surpreendentes para a exportação. Em Ornesse, existe ensino de base para crianças e adultos que assim desejarem. Crianças até seus 16 anos são proibidas de trabalhar sem sua frequência nas escolas e toda a população local é alfabetizada e tem conhecimento básicos de história. As trocas internas são pouco efetivas sendo mais trocas de material e aprendizado manual, os artistas e desenvolvedores ganham mais dinheiro vendendo para família Ornesse suas criações e suas obras. A sociedade é dividida basicamente entre a Nobreza, Grandes Mestres, Mestres, Artesões e aprendizes. Seus valores e vendas para a família são considerados status e o orgulho intelectual criativo trava a batalha de egos em Ornesse.


História:

Uma das ilhas que demorou a ser reclamada Ornesse era considerada quase tão perigosa quanto Ladar. Apesar dos campos próximos apresentarem pouca ameaça a ideia da mega-fauna ide insetos assustava os exploradores que não viam recursos imediatos na ilha. A remoção das flores gigantes e dos insetos seria um trabalho que exigiria um capital de investimento enorme para que ela ficasse em segundo lugar na produção de comida. Portanto Ornesse ficou sem ser reclamada até que o avo de Orlin, Trovor  o fizesse. A família Ornesse havia vindo ao arquipélago junto com a primeira expedição como tecelões comuns para manter as necessidades dos que ali estavam. Com o passar de duas gerações suas técnicas e estudos sobre tecido haviam se desenvolvido bastante e o desenvolvimento da ilha ajudara muito nisso, com isso Trovor levará a um concurso de arte do Arquiduque seu robe em um tecido comum, porém com uma arte fantástica. Impressionado com o talento artistico o Arquiduque o elogiou porém achou que a arte era bela demais para o tecido comum que estava usando. Trovor havia planejado aquela situação, desde pequeno ele o pai trabalhavam em uma arte fantástica que fizessem a família alcançar o Arquiduque, pois o conhecimento da ilha abandonada dos insetos e flores gigantes havia os alcançado. A possibilidade de produção de seda a nivel gigante e de desenvolvimento de tinturas era mil, e aparentemente ninguém ali parecia nortar isso. Daí se tornou o projeto de vida de Trevor, pai de Trovor conseguir reclamar a ilha. Sua idade porém deixava sua posição fraca então Trovor foi aquele que apresentou ao Arquiduque a peça. Trovor então comentou de sua idéia com Arquiduque e se atrevera a tentar reclamar Ornesse para o mesmo. O Arquiduque interessado com a proposta, financiou a primeira instalação em Ornesse e a campanha que o acompanharia, guardas e trabalhadores. O sucesso não tardou a chegar, dois anos após a instalação em Ornesse Trovor apresentou ao arquiduque as mais belas peças em seda que a ilha havia visto em um campeonato de arte. O Arquiduque satisfeito com o resultado de seu investimento concedeu então o titulo de Barão a Trovor. A fama de Ornesse cresceu e muitos artesãos se mudaram para ela para adquirir conhecimentos sobre a arte, porém a época de ouro da mesma surgiu com Orlin. O incentivo aos estudos e a arte fizeram a cidade se desenvolver de forma acelerada e os lucros subirem. A população moradora parecia satisfeita e contente com sua própria competição interna e com a administração do Barão. Em Ornesse muito foi desenvolvido a Guilda dos Rangers, especialistas em terreno e coleta. As casas de aprendizado e a Escola possibilitaram a tapeçarias de mais qualidade e de valor histórico e intelectual. Alguns recursos naturais como a seda da aranha e o mel eram coletados raramente mas eram vendidos a altos preços devido a sua raridade e, no caso da seda, sua utilidade para confecção de roupas quase tão fortes quanto armaduras.

Lugares de Interesse:

Fortaleza de Ornesse - Moradia da familia nobre que rege a Ilha. A Fortaleza é aberta a visitas mas possui uma guarda responsavel e treino marcial para defesa da cidade. Alguns moradores aspiram ser da guarda pois os mesmos são vistos em armaduras de couro personalizadas feitas por grandes artesões. Quanto maior o posto de melhor qualidade é a armadura da guarda. Os Lideres regionais são reconhecidos facilmente por possuirem nenhuma armadura mas roupas de seda de aranha de Ornesse. 

Casas de Tintura - Casas ao norte da ilha que beiram o Rio Locke. Cada casas é responsável pelo desenvolvimento e aplicação das tintas em tecidos. Cada casa é ligada a um mestre artesão e existem também as casas livres, que produzem tinturas para venda.

Escola de Ornesse - Grande estrutura no centro da cidade, apenas menor que a Fortaleza Ornesse, a Escola é responsável pela grande biblioteca de Orlin e sua coleção de pergaminhos e estudos. Bem como é nela que se ensinam as crianças e adultos sobre história, línguas e cultura.

Casas de Aprendizado - Casas onde os mestres artesões desenvolvem suas tecnologias e aprovam aprendizes para ensinar e desenvolver as tapeçarias e tecidos.

Guilda de Rangers - Guilda onde se contratam rangers para coleta de bens de caça ou de recursos naturais em Ornesse. Os mesmos também servem de guias para grupos que desejam se aventurar na ilha.

Figuras Importantes:


Barão Orlin Ornesse “Lorde Historiador”
Idade: 58
Estado   Civil: Casado    
Parentes: Duas esposas, três filhas e três filhos
Ideologia: Mombranista 
Raça: Humano
Spoiler:

1,60m Gordo Cabelos curtos e brancos, olhos castanhos levemente puxados. Seu rosto é arredondado e de narinas largas. Sua pele é branca, quase pálida, e seu porte é grande, mas nada musculoso.

Com comportamento relaxado e Bon vivant, o Barão Ornesse é reconhecido como um dos maiores historiadores locais. Sua família veio junto à primeira geração dos moradores de Zenith e em suas buscas pelas ilhas encontrou em Ornesse um grande campo de flores gigantes. Tais flores foram permitidas crescerem a tal tamanho devido à riqueza do solo e a fauna local. Repleta de insetos de tamanho descomunal, a ilha a princípio foi considerada perigosa e infrutífera, pois sua morfologia inconsistente seria trabalhosa demais para plantação. A família Ornesse, porém, era de comerciantes de tecido e, com o boato de uma ilha de insetos gigantes, sua experiência foi paga ao requisitarem residência no local para o arquiduque, que parecia não se importar em autorizar um local considerado tão desfavorável. Os Ornesse então se puseram a pesquisar e gastaram muito dinheiro com escoltas armadas para mapear a ilha, os nichos dos insetos e os locais seguros e, quase quando estavam falidos, eles alcançaram o sucesso. Encontraram na ilha os locais de hibernação de borboletas e outros animais que passam por metamorfose e deles extraíram grandes montes de seda. As escoltas também encontraram cavernas com aracnídeos, porém essas são consideradas áreas perigosas e poucos se aventuram em busca da seda delas. Das pétalas das flores os manufatureiros conseguiram retirar corantes para os tecidos e em poucos meses os mercados de Porto Real estavam deslumbrados com tapeçarias e roupas de alta qualidade e preços exorbitantes. Os primeiros vestidos eram robes amarrados na cintura com padrões belos e foram apresentados em um dos torneios artísticos do arquiduque. O mesmo considerou-os vencedores e impressionado com a capacidade dos Ornesse de transformar uma ilha considerada infrutífera em dinheiro os concedeu o título de Barão e um pequeno palacete no Planalto Superior.
Orlin, a quarta geração da sua família, logo viu em seus negócios um declínio. Sempre curioso e estudioso, Orlin desde novo gastava muito dinheiro comprando pergaminhos históricos e livros comparando dados e anotações em busca da verdade da criação. Ele então teve a genial ideia de reunir suas pesquisas com a disseminação da verdade. Orlin utilizou seu palacete em Porto Real para abrigar sua nova empreitada: uma grande casa de espetáculos. Apadrinhando músicos e intérpretes e utilizando seu acesso à tecelagem ele foi capaz de criar peças de teatro representando os vários contos da história do reinado. Sua primeira peça foi apresentada em um torneio artístico e agradou a nobreza e os comerciantes locais. Ansiosos e sedentos por entretenimento, logo a casa se tornou um passatempo frequente na vida da nobreza. Os próprios bailes feitos pela Casa Ornesse seguem esse clima de espetáculo, sendo em geral a fantasia e máscaras, onde os nobres se competem com o traje mais estonteante. Poucos porém notaram o objetivo de Orlin com a casa de espetáculos, que era espalhar o conhecimento e avivar o senso critico daqueles que os observam, gerando um tom inquisidor sobre todo plano e a criação.


Baronesa Ophelia Ornesse 
Idade: 48
Estado   Civil: Casado    
Parentes: Dois Filhos e uma Filha
Ideologia: Mombranista  

Raça:Humano
Spoiler:

Cabelos loiros e levemente grisalhos. Olhos Azuis e porte altivo. Seios medianos e quadris medianos. Magra e de semblante gentil.

Ophelia vive com seus filhos em ornesse que ajudam a administrar a ilha. Ela assim como Orlin é uma estudiosa e conheceu Orlin ao ingressar na ilha trazendo pergaminhos que foram encomendados por seu pai como presente. Ao gostar do local Ophelia se juntou a família como estudisa a convite de Orlin. Não demorou para eles se apaixonarem e se casaram. Ophelia não ve infidelidade na bigamia de Orlin e se relaciona bem com Evelynn. Ela agradece a presença da segunda baronesa pois graças a ela ela pode se forcar em seus estudos e reger a Escola de Ornesse e os negócios da família sem precisar se preucupar com a "perda de tempo" que são os joguetes da corte. Ophelia e bastante inteligente e ajuda Orlin a desenvolver o enredo das peças e sempre está presente em uma estreia, avaliando e fazendo correções e ressalvas aos atores. Muitos atores aguardam anciosamente pela aprovação da Baronesa pois a respeitavam desde que estudaram na escola de Ornesse.

Ilder Ornesse
Idade: 30
Estado Civil: Casado
Parentes: Uma filha
Ideologia: Mombranista
Raça:Humano 
Denin:Grakan

Spoiler:

1,90 cabelos louros e olhos azuis. Possui um porte grande e largo. Seu rosto tem um formato levemente arredondado e bigode grande e Loiro. Aparenta jovialidade em sua face e atitude.

Primogenito dos Ornesse Ilder sempre se viu ao lado da mãe. Cresceu dentro dos muros da Fortaleza, estudou na escola e treinou na guarda. Ilder ganhou gosto por jogos táticos de guerra e a arte da espada focando seus estudos e seus exercicios nos mesmos. Ele se tornou um brilhante estrategista e ainda jovem ganhou alguns torneios de estratégia do Arquiduque. Hoje em dia Ilder é o lider da guarda de Ornesse e pode ser visto caminhando com um robe de seda de aranha e uma espada de lamina única em sua cintura. Seu robe e adornado com as cores de sua casa Dourado e vermelho com o desenho de um grande louva-deus em suas costas.

Zélia Ornesse
Idade: 27
Estado Civil: Casado
Parentes: Dois Filhos
Ideologia: Mombranista
Raça:Humana
Spoiler:

1,80 cabelos louros e olhos azuis. Possui um porte grande e largo. Seus seios são fartos e seu quadril grande. Seu rosto tem um formato levemente arredondado de maçãs sempre rosadas . Sua expressão e firme e decidida.

Primeira filha de Orlin, Zélia se interessou pela arte da tecelagem e tinturaria. Desde jovem conciliava a escola com a casa de Aprendizado. Por ser filha do barão ela conseguia acesso a todos os grandes artistas e aprendeu muito com eles logo desenvolvendo seu próprio estilo. Zélia é campeã frequente nos torneios de arte apresentando de anos em anos uma peça de tapeçaria ou roupa com uma arte que sempre é apreciada pelo Arquiduque. Com o tempo Zélia acabou por ocupar um dos cargos familiares, ajudando a mãe a administrar a ilha tomando conta da avaliação das peças vendidas a familia e das casas de tintura e tecelagem. Agora o artesanato é um prazer pessoal ao qual ela desenvolve com calma e precisão sempre em busca de se superar.

Baronesa Evelynn Ornesse 
Idade: 40
Estado   Civil: Casado    
Parentes: Duas esposas, três filhas e três filhos
Ideologia: Mombranista 

Raça: Humana
Spoiler:

1,60 cabelos ruivos e pele branca e com sardas. Seus olhos são grandes e castanhos e possui um corpo enxuto. Seus seios são medianos porem grandes para seu corpo bem comos eu quadril. Seu rosto tem formato arredondado e seu sorriso e largo e amplo.

A baronesa Evelynn fora uma das nobres de Sullis que viera a Zenith em busca das fantáticas raridades do local. Conheceu Orlin em um dos campeonatos do arquiduque e foi encantada por seu jeito fanfarrão e pompa inteligente e eloquente. Ela se relacionou romanticamente com o mesmo até descobrir que era casado. Mostrando desinteresse em uma relação monogamica ele a convenceu de que morando com ele e outra esposa ela seria mais feliz que em qualquer outro lugar do plano e seu coração cedeu. Ao conhecer Ophelia a nobre se encantou com mulher e sua inteligencia e ambas viraram grandes amigas. Sua familia teria a rejeitado não fosse a posição que adquira em Zenith. Evelynn lida com a corte, o gerenciamento do grande teatro e dos bailes. Ela tem um talento natural para conversa e os joguetes da corte sempre sabendo se situar e escapar de situações constrangedoras.

Danna Ornesse
Idade: 22
Estado Civil: -
Parentes: -
Ideologia: Mombranista
Raça:Humana 
Denin:Natrakan
Spoiler:

1,67m cabelos ruivos e olhos verdes. Possui um porte mediano. Seu rosto tem um formato levemente arredondado e sua pele branca cheia de sardas. Jovem em bom estado fisico de seios medianos e quadris largos.

Filha de Evelynn nunca se adequou muito bem a grande Zenith, via em Ornesse um charme e tranquilidade de espirito que nenhum outro lugar podia lhe dar. Desde pequena começou a viver e estudar em Ornesse após muitos apelos ao pai. Criada como uma filha por Ophelia, Danna especializaou seus estudos em botanica e treinava guiada por seu meio irmão Gilder. Quando adolescente Danna se interessou pela Guilda dos rangers e logo começou a partir escondida em missões de reconhecimento e coleta de material. Suas atitudes apesar de serem mal recebidas por Ophelia foram aceitas devido ao progresso que ela havia feito em suas pesquisas. Logo Ophelia viu a inutilidade de tentar parar Danna em desbravar o território da ilha. Danna se tornou uma excelente Ranger e com isso foi cedida a liderança administrativa da guilda para ela.

_________________
Narrador E-book
avatar
Fallen
Rimertista
Rimertista

Masculino Número de Mensagens : 1118
Localização : Rio/Hellzende
Emprego/lazer : Estudante
Nome do jogador : Ranier
Warn :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 18/11/2007

Ficha do Personagem
Nível: 1
Pontos de Vida:
69/69  (69/69)
Pontos de Dens:
63/63  (63/63)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum